Precisando de Crédito Para Construção? Veja como conseguir!

Atualizado em 18 junho, 2019

Crédito para Construção – Um dos maiores sonhos dos brasileiros é ter a casa própria. Ano a ano esse processo tem se tornado mais fácil, entretanto, são muitas etapas até a mudança e nem sempre o orçamento abrange tudo o que é necessário.

Sendo assim, se pensa em pedir crédito para construção, esse manual foi criado a você: aqui você vai conhecer algumas das modalidades disponíveis, o passo a passo a fim de conseguir o seu e as facilidades que pode ter.

Portanto, abaixo você verá algumas dicas, conhecerá alguns dos créditos disponíveis atualmente no mercado e poderá dar com segurança esse importante passo à conquista do seu bem.

Publicidade:

Crédito para sua Construção

Crédito para Construção

Veja como conseguir Crédito para Construção!

Seja a fim de construir, reformar ou mobiliar, são várias as opções de crédito disponíveis no mercado.

A fim de fazer a melhor escolha, conheça bem cada uma delas, procure a empresa responsável pela concessão e tire todas as suas dúvidas.

Publicidade:

Algumas dessas modalidades são bem populares, assim como:

  • Cartões de crédito e débito
  • Cheque especial
  • Empréstimo pessoal
  • Empréstimo consignado

Outras delas são menos conhecidas, mas não menos vantajosas:

  • Cartões das lojas: grandes redes de materiais de construção têm seus próprios cartões de crédito. Normalmente têm limites mais altos, parcelamento em mais vezes, juros menores e prazos maiores a pagamento das parcelas. Cada rede tem suas regras de concessão e especificações.
  • Produtos bancários: grandes bancos têm seus próprios produtos a financiamento de construções e reformas. São disponibilizados a correntistas, sejam eles pessoas físicas ou jurídicas. A análise depende da documentação apresentada, das cláusulas do contrato e do perfil do cliente. Fale com seu gerente, ele poderá indicar o melhor caminho a você.
  • Cooperativas e consórcios: são instituições que disponibilizam crédito com suas próprias regras e análises, úteis especialmente a quem não tem muita pressa em conseguir a liberação do valor. Empresas como a Creditas e Sicredi, por exemplo, financiam reformas, construções, decoração e mobília. Como são focadas nesse tipo de produto, oferecem valores maiores, com menores juros e maiores parcelamentos.
Publicidade:

Veja aqui como financiar imóvel usado!

Como escolher o melhor tipo de crédito para construção?

Os principais fatores que devem ser considerados na escolha do tipo de crédito são:

  • Objetivo: você precisa de crédito para construir ou reformar? Mobiliar ou decorar? Começou a construção e precisa terminar? Ou quer fazer tudo isso, da construção aos móveis?

Cada objetivo requer um tipo de produto, com condições e prazos diferenciados. Alguns créditos são exclusivos a fim de comprar material de construção, por exemplo, enquanto outros abrangem qualquer uso ligado à residência – mão de obra, móveis e, até mesmo, a compra de eletrodomésticos e eletroeletrônicos.

  • Valor: o crédito está ligado às garantias que você pode oferecer à instituição. Oferecer um automóvel, ser correntista (no caso dos bancos) e comprovar renda (especialmente aos autônomos) são formas de conseguir créditos mais altos. Os valores dependem, portanto, da análise de crédito e documentos apresentados, mas os valores podem variar de um percentual do custo da obra a até 2 milhões de reais, com taxas entre 0,85 e 3,8%.
  • Prazo: escolha períodos e valores que caibam no seu orçamento sem aperto e não esqueça de que isso é um compromisso que pode durar anos. Os prazos são variáveis, se estendendo de 24 a 300 meses aproximadamente, pois cada instituição tem suas regras e prazos de acordo com o produto que oferecem.

Procure por instituições renomadas, converse e tire dúvidas, leia o contrato atentamente. Escolha o crédito para construção mais completo, que atenda às suas necessidades e que traga mais tranquilidade na hora de quitar esse compromisso. Lembre-se que pagar as parcelas em dia garantem mais crédito e bons descontos.

Veja também:

Requisitos

Os requisitos a fim de solicitar crédito nesse caso dependem da instituição financeira ou bancária. Normalmente os principais são:

  • Ser maior de idade (ter no mínimo 18 anos);
  • Ter documentos pessoais regulares;
  • Não estar negativado(a);
  • Ter conta corrente positiva (em caso de bancos);
  • Ter documentos da residência ou terreno regulares;
  • Usar o imóvel para moradia;
  • Comprovar meios de pagamento da dívida.

Verifique com a empresa escolhida quais são os itens necessários a fim de conseguir um financiamento suficiente a fim de seguir seu planejamento e concluir sua moradia.

Documentos necessários

A fim de dar entrada no pedido de crédito, são necessários:

  • Documentos pessoais do interessado (RG, CPF e comprovante de residência)
  • Comprovante de renda (holerite a empregados, extratos bancários a autônomos, notas fiscais emitidas a MEI etc.)
  • Alvará (verifique com a prefeitura)
  • Cronograma da obra
  • Memorial (onde são apresentados serviços e materiais orçados)
  • Projetos ligados à construção, como plantas e desenhos estruturais

A apresentação desses documentos bem como de outros que sejam solicitados garantem uma análise mais completa e significativa. Assim, o que pode ser um passo decisivo no momento de conseguir seu financiamento.

Além disso, veja aqui como conseguir empréstimo a negativado!

Analisando a Proposta

A fim de decidir pela melhor proposta, visite mais de uma empresa e exponha seus planos. Questione sobre os produtos oferecidos, leia contratos cláusula a cláusula e verifique as facilidades que terá em relação ao prazo e ao parcelamento.

Verifique, por exemplo, se é possível aplicar seu FGTS na quitação do financiamento, regras de rescisão de contrato, como são calculados possíveis reajustes e outras informações que considere relevantes.

Simule vários períodos de pagamento em uma mesma instituição. Há um índice chamado Custo Efetivo Total (CET) que representa o valor que você terá pagado quando a dívida estiver quitada.

O CET é muito importante a fim de que você visualize o financiamento como um todo, incluindo taxas, impostos e demais tarifas que possam ser incluídas nas parcelas.

Nos contratos, o CET aparece como a taxa anual de juros incidente sobre o crédito concedido. Sendo assim, faça o cálculo também em diferentes instituições e encontre a melhor opção ao seu caso.

Além disso, outra dica que pode ajudar na sua análise e decisão é usar sites ou aplicativos que simulem crédito para construção. Assim, onde você consegue ter uma situação aproximada àquela que encontrará em uma conversa pessoal.

Portanto, para conseguir seu crédito e aproveitá-lo da melhor maneira, você precisa:

  1. Ter planos, objetivos e projetos claros
  2. Procurar uma instituição e verificar exigências
  3. Providenciar e apresentar a documentação (sua e do imóvel / terreno)
  4. Aguardar a análise do crédito
  5. Assinar o contrato
  6. Iniciar a obra

Essas são as etapas para você investir na construção do seu sonho. Então que tal dar o passo que faltava, solicitar seu crédito e começar hoje mesmo?

Veja também como fazer um cartão de crédito pela internet!

Publicado por Simulador Caixa Fácil

Publicado por um dos redatores oficiais do blog Simulador Caixa Fácil. Temos o objetivo de manter você sempre bem informado, e fazemos isso trazendo conteúdo exclusivo e original!

Conteúdos relacionados à este

Nenhum resultado encontrado

A página que você solicitou não foi encontrada. Tente refinar sua pesquisa, ou use a navegação acima para localizar a postagem.

Deixe um comentário aqui